quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Preposição conceito e classificação

Preposição  conceito e classificação

Conceito 

Preposição é a palavra invariável que relaciona dois termos. Nessa relação, um termo completa ou explica o sentido do outro. Veja na frase:

Invejo o ourives quando escrevo:
Imito o amor
Com que ele, em outro, o alto-relevo
Faz de uma flor.   (Olavo Bilac)

Os termos em destaque no texto acima são preposições. Veja que  faz é completado pelo termo uma flor. A relação entre esses termos foi possível por meio da preposição de.

Classificação das Preposições

As preposições podem ser classificadas em essenciais e acidentais.

1. Essenciais

São palavras que sempre foram preposições e só funcionam como tal. São elas: a, ante, após, até, com, contra, de, desde, em, entre, para, perante, por (per), sem, sob, sobre, atrás.

Exemplos: O livre está sobre a mesa.
                   Vamos para casa.

2. Acidentais

São palavras que, embora pertençam a outras classes gramaticais, podem ocasionalmente exercer o papel de preposição. Exemplos: afora, como, conforme, segundo, consoante, durante, exceto, fora, menos, salvo, etc.
Observe:

Foi o segundo aluno da turma. (segundo: numeral cardinal)
Agiu segundo seus princípios. (segundo: preposição)

Locução prepositiva 

Chama-se locução prepositiva o grupo de duas ou mais palavras com valor de preposição. Exemplos: abaixo de, acima de, a fim de, além de, apesar de, atrás de, através de, junto de (ou a), ao redor de, em face de, em frente de (ou a), longe de, de acordo com, por causa de, a despeito de, em virtude de, sob pena de, etc.

Ex: Apesar de tudo vai à escola.
       Estamos longe de casa.

Combinação e contração das preposições


A preposição, como já foi dito, é invariável. No entanto pode unir-se a outras palavras e assim estabelecer concordância em gênero ou em número.

Ex: por + o = pelo

por + a = pela

Vale ressaltar que essa concordância não é característica da preposição e sim das palavras a que se ela se une.

Esse processo de junção de uma preposição com outra palavra pode se dar a partir de dois processos:

1. Combinação: A preposição não sofre alteração.

preposição a + artigos definidos o, os

a + o = ao

preposição a + advérbio onde

a + onde = aonde

2. Contração: Quando a preposição sofre alteração.

Preposição + Artigos

De + o(s) = do(s)

De + a(s) = da(s)

De + um = dum

De + uns = duns

De + uma = duma

De + umas = dumas

Em + o(s) = no(s)

Em + a(s) = na(s)

Em + um = num

Em + uma = numa

Em + uns = nuns

Em + umas = numas

A + à(s) = à(s)

Por + o = pelo(s)

Por + a = pela(s)

Preposição + Pronomes

De + ele(s) = dele(s)

De + ela(s) = dela(s)

De + este(s) = deste(s)

De + esta(s) = desta(s)

De + esse(s) = desse(s)

De + essa(s) = dessa(s)

De + aquele(s) = daquele(s)

De + aquela(s) = daquela(s)

De + isto = disto

De + isso = disso

De + aquilo = daquilo

De + aqui = daqui

De + aí = daí

De + ali = dali

De + outro = doutro(s)

De + outra = doutra(s)

Em + este(s) = neste(s)

Em + esta(s) = nesta(s)

Em + esse(s) = nesse(s)

Em + aquele(s) = naquele(s)

Em + aquela(s) = naquela(s)

Em + isto = nisto

Em + isso = nisso

Em + aquilo = naquilo

A + aquele(s) = àquele(s)

A + aquela(s) = àquela(s)

A + aquilo = àquilo

As preposições e as locuções prepositivas podem estabelecer vários tipos de relação. Veja alguns:


a) Destino

Irei para o shopping.

b) Modo

Chegou em casa sangrando.

c) Lugar

Gostaria de morar em Fernando de Noronha.

d) Assunto

Não entendem nada de música.

e) Tempo

A prova vai começar em cinco minutos.

f) Causa

Ela faleceu de enfarto.

g) Fim ou finalidade

Estudem as provas de segunda-feira.

h) Instrumento

Prenderam-no com algemas.

i) Posse

Não posso doar as roupas do meu irmão.

j) Autoria

Esse livro de José de Alencar é ótimo.

l) Companhia

Estarei com ela depois de amanhã.

m) Matéria

Quebraram o meu vaso de porcelana.

n) Meio

Nós vamos fazer um passeio de helicóptero.

o) Origem

Nós somos do Nordeste, e você?

p) Conteúdo

Quebrei duas garrafas de refrigerante.

q) Oposição

Esse movimento é contra o que eu penso.

r) Preço

Esse roupa sai por R$ 80 à vista.

As preposições podem introduzir:

a) Complementos Verbais

Por exemplo:
Eu obedeço "aos meus pais".

b) Complementos Nominais

Por exemplo:
Continuo obediente "aos meus pais".

c) Locuções Adjetivas

Por exemplo:
É uma pessoa "de valor".

d) Locuções Adverbiais

Por exemplo:
Tive de agir "com cautela".

e) Orações Reduzidas

Por exemplo:
"Ao chegar", comentou sobre o fato ocorrido.

Preposição questões vestibular

1) (UFMS 2010) Leia o fragmento do poema “Canção do vento e da minha vida”, de Manuel Bandeira, e responda à questão a seguir.

O vento varria as folhas,
O vento varria os frutos,
O vento varria as flores…
E a minha vida ficava
Cada vez mais cheia
De frutos, de flores, de folhas.

Tanto o verbo varrer quanto o adjetivo cheia regem complementos. Observe a presença ou a ausência de preposição nesses dois casos e responda:

1) Varrer é um verbo transitivo indireto, o que pressupõe uma ação indireta do eu lírico sobre as coisas que o circundam.
2) O termo vento é sujeito do verbo varrer que se liga diretamente aos seus complementos.
4) O valor semântico da preposição de em “cheia de…” é o de qualidade, caráter.
8) Os complementos do adjetivo cheia – frutos, flores, folhas – ligados a ele com o auxílio da preposição de exercem a função sintática de complemento nominal.
16) A função sintática dos complementos do verbo varrer é a de objeto indireto.

2) “... a folha de um livro retoma.”
“como sob o vento a árvore que o doa.”
“e nada finge vento em folha de árvore”.

As expressões destacadas são introduzidas por preposições. Tais preposições são usadas, nesses versos, com a ideia de:

a) origem, lugar, especificação
b) especificação, agente causador, lugar
c) instrumento, especificação, lugar
d) agente causador, especificação, lugar
e) lugar, instrumento, origem

3) (UNICAMP-SP) Considere as orações em pauta analisando-as:

O passageiro chegou ao metrô às duas horas.
O passageiro chegou no metrô que partira há duas horas.

Quanto ao valor semântico estabelecido pelas preposições, ambas apresentam semelhança de sentido? Explique.

4) Com referência às alternativas propostas, analise-as de acordo com o código em evidência, levando em consideração o valor semântico estabelecido pelas preposições destacadas:

A – Causa
B – Posse
C – Companhia
D – Finalidade
E - Assunto

(  ) O livro do professor está emprestado aos alunos.
(  ) Fomos com os amigos ao cinema.
(  ) O animal morreu de fome.
(  ) Fizemos o trabalho sobre questões ambientais.
(   ) O cenário encontra-se ornamentado para as festividades.

5)  A preposição que há na frase: “Muitos morreram de fome” expressa relação de:

a) Causa.        b) Modo.       c) Intensidade.        d) Meio.       e) N.d.a

6) (UFC) As preposições podem estabelecer várias relações de sentido. Com base nesta afirmação, resolva os quesitos a e b.

a) Complete as frases com a preposição adequada às idéias indicadas entre parênteses.

Ele desceu as escadas _____ a rua. (DESTINO)
Ele desceu as escadas _____ tristeza. (MODO)
Ele desceu as escadas _____ hesitação. (FALTA)
Ele desceu as escadas _____ mármore. (MATÉRIA)
Ele desceu as escadas _____ minha vontade. (OPOSIÇÃO)

b) Escreva ao lado de cada frase a ideia indicada pela preposição em maiúsculo.

"... borboletas incertas, salpicos DE luz ..." (parágrafo 01)

"Passou POR entre as grades do portão..." (parágrafo 04)

"... prosseguiu PARA o lado esquerdo... desapareceu." (parágrafo 04)

"Ele ia descendo... SEM firmeza e SEM destino." (parágrafo 05)

"... pede desculpas DE ter ocupado um lugar que não era seu." (parágrafo 05)

7) (FUVEST – SP) Na frase: “Estamos a bordo”, a preposição indica uma relação de lugar. Escreva duas frases em que o emprego dessa mesma preposição indique:

a – relação de tempo habitual.

b – relação de instrumento

8) (FUVEST – SP) Em “óculos sem aro”, a preposição indica ausência, falta. Explique o sentido expresso pelas preposições em:

a – “Cale-se ou expulso a senhora da sala”.

b – “... interrompia a lição com piadinhas.”

9) Observando o modelo em questão, indique a relação semântica estabelecida pelas preposições expressas nas orações que seguem:

Amanhã iremos a Brasília.

Relação semântica de lugar.

a – Voltaremos à tarde do passeio.
b – Ela só sai com os amigos.
c – Em determinadas situações devemos agir com calma.
d – Viajamos para Maceió.
e - Profissionalize-se para obter sucesso na sua carreira.
f – Por não ter se esforçado, não obteve um bom resultado.
g – Falamos muito do acontecido durante a reunião.
h – Com as fortes chuvas ocorridas, as estradas estão em péssimas condições de tráfego.
i – O cão morreu de fome.
j – O avião sobrevoou sobre a cidade por um bom tempo.
l – O portão foi todo pintado a pincel.
m – Ele foi conduzido a socos para prestar depoimento.

10) (Fuvest) No final da Guerra Civil americana, o ex-coronel ianque (...) sai à caça do soldado desertor que realizou assalto a trem com confederados. (O Estado de S. Paulo, 15/09/95)
O uso da preposição com permite diferentes interpretações da frase acima.

a) Reescreva-a de duas maneiras diversas, de modo que haja um sentido diferente em cada uma.
b) Indique, para cada uma das reações, a noção expressa da preposição com.


Gabarito:

1) 2 e 8 verdadeiras     2) B    3) Não, pois o valor semântico estabelecido pela primeira é de lugar, enquanto que na segunda revela o instrumento utilizado para se locomover de um lugar a outro.
4) B, C, A, E, D.   5) D    6) a) para/ com/ sem/ de/ contra  b) matéria/ meio/ direção/ falta/ causa
7) a) Às segundas e terças-feiras fazemos visitas a instituições de caridade.  b) O assaltante foi morto a tiros.     8) a) lugar     b) instrumento/modo.  
9) a – Voltaremos à tarde do passeio.
         Relação semântica de tempo.
   b – Ela só sai com os amigos.
         Relação semântica de companhia.
   c – Em determinadas situações devemos agir com calma.
         Relação semântica de modo.
   d – Viajamos para Maceió.
          Relação semântica de lugar.
   E - Profissionalize-se para obter sucesso na sua carreira.
          Relação semântica de finalidade.
   f – Por não ter se esforçado, não obteve um bom resultado.
          Relação semântica de causa.
   g – Falamos muito do acontecido durante a reunião.
         Relação semântica de assunto
    h – Com as fortes chuvas ocorridas, as estradas estão em péssimas condições de tráfego.
         Relação semântica de causa.
    i – O cão morreu de fome.
         Relação semântica de causa.
    j – O avião sobrevoou sobre a cidade por um bom tempo.
        Relação semântica de lugar.
    l – O portão foi todo pintado a pincel.
       Relação semântica de instrumento.
   m – Ele foi conduzido a socos para prestar depoimento.
      Relação semântica de modo.
10) a) 1. No final da Guerra Civil americana, o ex-coronel ianque (...) sai à caça do soldado desertor que realizou assalto a trem que levava confederados.
2. No final da Guerra Civil americana, o ex-coronel ianque (...) sai à caça do soldado desertor, que, com confederados, realizou assalto a trem.
b) Na frase 1, com indica a relação continente-conteúdo, (trem-soldados), como em copo com água. Na frase 2, com indica "em companhia de". Em 1, com introduz um adjunto adnominal (de trem); em 2, introduz um adjunto adverbial de companhia.













Nenhum comentário:

Postar um comentário